DEFESA DE DANIEL SILVEIRA DIZ QUE PRISÃO DO DEPUTADO É ILEGAL

Brasília – Ministro Alexandre de Moraes do STF (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Thainara Prado, advogada de defesa do Deputado Daniel Silveira (PSL/RJ), preso ilegalmente ontem por ordem de Alexandre de Moraes (STF), declarou à imprensa que a prisão do seu cliente é ilegal. O deputado encontra-se preso desde ontem (16/02) na carceragem da Superintendência da Polícia Federal (PF) no Rio de Janeiro.

A assessoria jurídica do deputado pronunciou-se em nota dizendo que “aguardará a decisão da Câmara dos Deputados quanto à manutenção ou não de sua prisão” e que a decisão de Alexandre de Moraes, tem teor político, conforme a seguir: “A prisão do deputado representa não apenas um violento ataque à sua imunidade material, mas também ao próprio exercício do direito à liberdade de expressão e aos princípios basilares que regem o processo penal brasileiro. Os fatos que embasaram a prisão decretada sequer configuram crime, uma vez que acobertados pela inviolabilidade de palavras, opiniões e votos que a Constituição garante aos Deputados Federais e Senadores”.

Na mesma nota a defesa do deputado Daniel Silveira afirma que as declarações do parlamentar não dá sustentação a “qualquer hipótese legal que justificasse o suposto estado de flagrância dos crimes teoricamente praticados”.

Saiba mais aqui:

STF MANDA PRENDER DEPUTADO BOLSONARISTA DANIEL SILVEIRA

DEPUTADO CARLOS JORDY CHAMA ALEXANDRE DE MORAES DE VAGABUNDO APÓS SABER DA PRISÃO DE DANIEL SILVEIRA

 

Paulo Moura
Paulo Moura
dextrajornalismo@gmail.com
1 Comentário
  • Avatar
    JOÃO JOSÉ NATALIN
    Postado em 10:45h, 17 fevereiro Responder

    ESTÃO AMORDAÇANDO TODAS AS OPINIÕES CONTRÁRIAS. SÓ SE PODE MANIFESTAR DESDE QUE SEJA POR CONCORDÂNCIA.

Postar Um Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.