FIOCRUZ VAI CONSTRUIR A MAIOR FÁBRICA DE VACINAS DA AMÉRICA LATINA E QUADRUPLICAR A PRODUÇÃO

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), pertencente à estrutura do Ministério da Saúde, lançou hoje (05/01) o edital de licitação para construção do Complexo Industrial de Biotecnologia em Saúde (CIBS), vinculado ao Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos da Fundação (BioManguinhos/Fiocruz).

O empreendimento erguerá a maior fábrica de vacinas da América Latina, com um dos laboratórios mais modernos do mundo e quando pronto permitirá quadruplicar a produção de vacinas e biofármacos. O complexo será construído em Santa Cruz, no Rio de Janeiro.

Saiba mais: O ERRO DA DEPENDÊNCIA DE VACINAS IMPORTADAS

O Diário Oficial da União publicou o edital nesta sexta-feira (05/01). Os investidores interessados terão prazo de quatro meses para apresentação de propostas. O início das obras está previsto para o segundo semestre, sendo que no prazo de dois anos já estarão prontos os primeiros prédios. A conclusão da obra está prevista para quatro anos.

Estiveram presentes à solenidade de lançamento do edital o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, o governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro (PSC) e outras autoridades.

O empreendimento garantirá autonomia do Brasil na produção de vacinas e biofármacos.

Paulo Moura
Paulo Moura
dextrajornalismo@gmail.com
Sem Comentários

Postar Um Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.