GENERAL MIOTTO, EX-COMANDANTE MILITAR DO SUL, MORRE DEVIDO AO COVID19

Faleceu ontem (20/01), devido à complicações da covid-19, o ex-comandante militar do Sul, general da reserva do Exército Geraldo Antônio Miotto, de 65 anos, que encontrava-se internado em Porto Alegre desde o dia 03 de dezembro.

Miotto integrou o Gabinete de Segurança Institucional (GSI) da Presidência da República, no governo da  Dilma Rousseff, foi comandante militar da Amazônia e passou para a reserva em abril de 2020, após exercer o Comendo Militar do Sul (CMS).

O CMS se pronunciou em nota, dizendo que: “se solidariza com amigos e parentes”, e que presta “as mais sinceras condolências pela perda, como também, agradece a dedicação do trabalho prestado ao Exército Brasileiro e ao Brasil”.

O general gozava de muito respeito junto a seus pares e exercia influência em decisões sobre os rumos do Exército Brasileiro.

Miotto defendia a importância de as Forças Armadas  botarem sua estrutura à disposição para atender comunidades mais afastadas dos grandes centros e utilizar a logística para apoiar profissionais da saúde em meio à pandemia do Coronavírus.

O velório do general ocorrerá em São Marcos, interior do Rio Grande do Sul, cidade onde ele nasceu.

Paulo Moura
Paulo Moura
dextrajornalismo@gmail.com
1 Comentário
  • Avatar
    Marinez Martini
    Postado em 12:02h, 21 janeiro Responder

    Meus sentientos a familia e amigos.

Postar Um Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.