LAVA JATO SOFRE DERRROTA E TERÁ QUE ENTREGAR BANCO DE DADOS À CÚPULA DA PGR

 

A Operação Lava Jato acaba de sofrer um sério revés jogando “em casa”. Estava em disputa a questão do controle do banco de dados da operação e a força-tarefa de procuradores do Ministério Público Federal (MPF) perdeu.

Por determinação da corregedora-geral do MPF, Elizeta de Paiva Ramos, os procuradores de Curitiba devem enviar cópia das informações sigilosas que detém ao órgão.

A Justiça já teve acesso à parte dessas informações. Para a corregedora do MPF, a entrega do banco de dados não contraria decisão de Edson Fachin (STF) que, em agosto passado, encerrou o compartilhamento de dados entre as forças-tarefa da Lava Jato no Paraná, no Rio de Janeiro e em São Paulo com a Procuradoria-Geral da República (PGR).

em junho passado, os procuradores de Curitiba acionaram a corregedoria após a subprocuradora-geral da República e coordenadora da Lava Jato na PGR, Lindôra Araújo, solicitar acesso aos dados.

Contrariados os membros da força-tarefa recorreram e perderam. Os procuradores da força-tarefa são suspeitos de  investigar autoridades com foro privilegiado de forma sub-reptícia.

(com informações da Revista Oeste)

Tags:
,
Paulo Moura
Paulo Moura
dextrajornalismo@gmail.com
Sem Comentários

Postar Um Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.