LEILÃO DA CEDAE RENDE MAIS DE R$ 22 BILHÕES E SURPREENDE POSITIVAMENTE

Depois de o governo contornar obstáculos políticos e jurídicos, finalmente a Companhia Estadual de Águas e Esgotos do Rio de Janeiro (Cedae) foi leiloada ontem (30/04), com sucesso acima do esperado. O leilão aconteceu na Bolsa de Valores de São Paulo (B3) e captou R$ 22,6 bilhões, com a privatização de três dos quatro blocos ofertados. O Estado do Rio de Janeiro foi dividido em quatro regiões de distribuição de água e esgoto tratado para efeito da privatização.

O valor arrecadado superou a expectativa inicial de arrecadação, que era de R$ 10,6 bilhões. O ágio foi de 114% sobre o valor incialmente previsto. Restou para nova rodada, o bloco mais barato, que congrega bairros da zona oeste da capital e seis municípios.

O presidente Bolsonaro foi à B3 e acompanhou o leilão ao lado do governador do Rio , Cláudio Castro (PSC), e dos ministros da Economia, Paulo Guedes, do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, e da Casa Civil, Luiz Eduardo Ramos.

na oportunidade, Bolsonaro declarou que: “Este é um momento que marca a nossa história, a nossa economia, um governo voltado para a liberdade de mercado, na confiança dos investidores e na crença de que o Brasil pode ser diferente”.

Paulo Moura
Paulo Moura
dextrajornalismo@gmail.com
Sem Comentários

Postar Um Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.