LIRA INICIA CUMPRINDO ACORDOS: BIA KICIS NA CCJ E ZAMBELLI NA SECOM DA CÂMARA

A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) da Câmara dos Deputados é considerada a mais importante e desejada comissão da Casa, pois ela é uma espécie de filtro pelo qual passam todos os projetos antes de serem postos em tramitação. A constitucionalidade de um projeto de lei ou emenda constitucional é analisado pela CCJ, e dependendo da interpretação que receber da comissão pode ser arquivado na origem ou posto para tramitar, de onde seguirá para análise das comissões temáticas e finalmente ao plenário.

A nova presidente da CCJ, deputada Bia Kicis (PSL/DF) não decide sozinha, pois quem delibera é o corpo da comissão, mas sua posição é estratégica para pautar o que será analisado e conduzir as reuniões, razão pela qual o Palácio do Planalto tem todo o interesse em ter um aliado nessa posição.

A indicação de Bia Kicis para a CCJ sinaliza para o cumprimento de um acordo de Arthur Lira (PP/AL) com o presidente Bolsonaro em troca do apoio recebido para sua eleição. Outra indicação de Lira na mesma direção foi a indicação da deputada Carla Zambelli (PSL/SP) para comandar a Secretaria de Comunicação (Secom), da Câmara, cargo que era ocupado pela deputada Joice Hasselmann (PSL/SP), lá colocada pelo ex-presidente da casa Rodrigo Maia (DEM/RJ).

A oficialização de Bia Kicis na função assim como a da nova Mesa Diretora e das comissões da Câmara, deve ocorrer hoje (03/01).

Em seu Twitter Bia declarou, confirmando a informação: “É uma grande honra para mim e muita responsabilidade”.

Bia Kicis é procuradora aposentada do Distrito Federal e avalia que a sua experiência dentro e fora do Congresso deve fazer diferença para o exercício do cargo. Bia já era a primeira-vice-presidente da comissão desde o início da atual legislatura, portanto, está familiarizada com a dinâmica da CCJ.

Paulo Moura
Paulo Moura
dextrajornalismo@gmail.com
Sem Comentários

Postar Um Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.