“O CAOS VEM AÍ”, PRENUNCIA BOLSONARO EM CRÍTICA AOS LOCKDOWNS

Após comunicar a sociedade que entrou no STF com com Ações Diretas de Inconstitucionalidade contra os decretos lockdown e toques de recolher impostos pelos governadores da Bahia, do Distrito Federal e do Rio Grande do Sul, o presidente Bolsonaro veio novamente a público para criticar os governadores e prefeitos que adotaram medidas restritivas duras para tentar frear o avanço da pandemia.

Para Bolsonaro as medidas se equivalem ao “estado de sítio”, que só poderia ser adotado pelo presidente da República com aval do Congresso Nacional: “O caos vem aí. A fome vai tirar o pessoal de casa. Vamos ter problemas que a gente nunca esperava ter. Problemas sociais gravíssimos”. A fala foi feita para apoiadores na saída do Palácio da Alvorada, hoje (19/03).

O presidente demandou ao STF que “estabeleça que, mesmo em casos de necessidade sanitária comprovada, medidas de fechamento de serviços não essenciais exigem respaldo legal e devem preservar o mínimo de autonomia econômica das pessoas”.

Paulo Moura
Paulo Moura
dextrajornalismo@gmail.com
Sem Comentários

Postar Um Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.