Povo assume o controle da Esplanada dos Ministérios na noite do dia 6 e dá início às manifestações de 7 de setembro

Na noite do dia 6/9, véspera das manifestações de 7 de setembro, já era expressivo o número de vídeos circulando pelo Whatsapp e outras mídias sociais com imagens de forte mobilização em Brasília. A chegada do caminhoneiros e ônibus com manifestantes à capital federal na prática, deu início à manifestação marcada para 7 de Setembro. A mobilização atraiu moradores de Brasília e, pelas imagens circulando nos vídeos já se percebia a quantidade de gente se concentrando na Esplanada dos Ministérios em apoio ao presidente Jair Bolsonaro e contra decisões do Supremo Tribunal Federal.

Caminhões pressionaram pela retirada das barreiras de cones da Polícia Militar do Distrito Federal e conseguiram a liberação dos policiais para acessar a Esplanada, que estava bloqueada desde domingo. A essa altura já é possível perceber que a estratégia de segurança montada para as manifestações não dará conta da multidão, pois na noite da véspera a quantidade de gente que ocupou a Esplanada dos Ministérios já havia chegado à Alameda dos Estados, em frente do Congresso Nacional.

As buzinas dos caminhões são ouvidas em vários pontos de Brasília, com forte intensidade. Carreatas de veículos de moradores de Brasília e outras origens entraram no local que estava previsto para ter acesso restrito e controlado desde domingo e conseguiram chegar até as imediações do Congresso Nacional. O acesso à praça dos Três Poderes está bloqueado, mas dada a quantidade de manifestantes não há como garantir que não chegarão ao local hoje, 7 de setembro.

Nas proximidades do Ministério das Relações Exteriores e da Câmara dos Deputados, apoiadores de Bolsonaro cantaram um trecho do hino da Independência.

Segundo informações da Polícia Militar do Distrito Federal a situação no local está “tranquila” e sem registro de violência.

Paulo Moura
dextrajornalismo@gmail.com
1 Comentário
  • Josué Silva
    Postado em 06:00h, 07 setembro Responder

    Hoje será o dia da real independência do Brasil, o país não aguenta mais tanta opressão, tanto desmando por parte de quem deveria ajudar, que o Senhor possa, guiar essa multidão para uma manifestação saudável e ordeira.

Postar Um Comentário

três + 6 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.