Presidente Bolsonaro convida juízes do STF para falarem com o povo em 7 de setembro

Com o sete de setembro chegando setores do establishment começam a emitir sinais de medo e preocupação com as manifestações convocadas pelo presidente Bolsonaro para a data. Emissários autointitulados pacificadores propõem diálogo e pactos de paz com o presidente, que por seu turno remete qualquer possibilidade de conversa para depois da data magna da pátria.

Nesse linha o presidente convidou os ministros do Supremo Tribunal Federal para participarem das manifestações do Dia da Independência: “Convido qualquer um dos 11 para subir no carro de som e falar com o povo”, declarou ontem (28/08), em Goiânia (GO), onde participava de um evento.

Bolsonaro, da mesma forma, convidou deputados estaduais, federais e senadores, para irem às manifestações: “Duvido que não queiram estar no braço do povo, e não apenas em época de campanha eleitoral. Queremos sempre estar do lado do povo. Devemos lealdade ao povo”, declarou.

“O que está acontecendo no Brasil é de interesse de todos nós. Nenhum de nós está acima da Constituição. Quem trabalha fora dela, tem de ser advertido e, se não se enquadrar na Carta Magna, deve sofrer um processo mais complexo”, afirmou Bolsonaro, repetindo que participará dos atos de 7 de Setembro.

Paulo Moura
dextrajornalismo@gmail.com
Sem Comentários

Postar Um Comentário

nove − três =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.