NÃO TIREI EMPREGO DE NINGUÉM DIZ BOLSONARO

Live presidencial 08/10/2020

“Não tirei emprego de ninguém”, declarou o presidente Bolsonaro na edição de ontem (08/10) da live que tradicionalmente faz em seus canais na internet todas as quintas-feiras.

O desemprego provocado pelas quarentenas impostas por governadores e prefeitos, com aval do STF, a pretexto de combater a pandemia do covid-19.

As consequências das quarentenas sobre o emprego começam a mostrar a cara e governadores e prefeitos tiveram autonomia, por decisão do STF para traçar estratégias de combate ao vírus. O presidente Bolsonaro, reiteradas vezes, manifestou-se contra o fechamento da economia e alertou para as consequências das medidas drásticas assumidas nos estados e municípios. No contexto em que o aval negou ao presidente interferir nas decisões locais sobre quarentenas, restou ao governo federal participar com recursos e apoio logístico às ações.

“Está morrendo muito mais gente”

Segundo o presidente Bolsonaro as ações determinadas por prefeitos e governadores revelam outros efeitos colaterais, além do desemprego: “Está morrendo muito mais gente”, declarou ele na live.

Suicídios, problemas cardíacos e obesidade foram alguns dos danos colaterais citados por Bolsonaro: “Sempre disse que tínhamos dois problemas: o vírus e o desemprego”, alegou.

Finalmente, o presidente afirmou que nem teria fechado escolas e também não proibiria o acesso às praias.

Paulo Moura
Paulo Moura
dextrajornalismo@gmail.com
Sem Comentários

Postar Um Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.